Quarta, 20 Setembro 2017 09:27

Artigo 048 - Roraima possui a segunda maior renda da Região Norte

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

Artigo Técnico 48/2017 de 20 de setembro de 2017

 

Roraima possui a segunda maior renda da Região Norte

 

Após cinco trimestres seguidos de crescimento no rendimento nominal médio de todos os trabalhadores de Roraima, o 2º trimestre de 2017 apresentou um recuo de 4,1%, saindo de R$ 2.127 no 1º trimestre para R$ 2.040 no 2º trimestre, uma queda de R$ 87.

 

Gráfico 1 – Rendimento nominal médio de todos os trabalhadores de Roraima

Fonte: PNAD Contínua Trimestral - IBGE

 

Apesar da redução no valor médio dos rendimentos, a renda em Roraima foi 26% superior à média da Região Norte, cujo valor era R$ 1.617 no 2º trimestre de 2017, ficando abaixo apenas do Estado do Amazonas, que no mesmo período apresentou rendimento de R$ 2.376. Já em relação à média nacional, o rendimento roraimense ficou 3% abaixo da média do Brasil, que foi de R$ 2.104.

 

 

Gráfico 2 – Rendimento nominal médio de todos os trabalhadores – 2º trimestre de 2017

Fonte: PNAD Contínua Trimestral - IBGE

 

Em relação ao grupamento de atividades econômicas, o que apresentou maior retração em Roraima no 2º trimestre de 2017 foi o de Alojamento e Alimentação, que recuou 32,1% em relação ao trimestre anterior, saindo de R$ 1.450 no 1º trimestre para R$ 984 no 2º trimestre. Deve-se ressaltar que este foi o grupamento de atividades que proporcionalmente mais contratou no 2º trimestre, logo a entrada de novos trabalhadores com salário inicial baixo acabou reduzindo a média do rendimento de toda a atividade.

 

Gráfico 3 – Rendimento nominal médio por grupamento de atividade em Roraima – 2º trimestre de 2017

Fonte: PNAD Contínua Trimestral - IBGE

 

Por outro lado, a Indústria e o segmento do Transporte, armazenagem e correios foram os que apresentaram as maiores altas no rendimento, com crescimento respectivo de 12,6% e 12,4%.

Já a Administração pública, defesa, seguridade social, educação, saúde humana e serviços sociais, apesar de ter tido uma queda 5,4% no seu rendimento, continua sendo a atividade econômica com o maior rendimento em Roraima, apresentando o valor de R$ 3.471. Em contrapartida a atividade que pagou o menor rendimento foi a de Serviços domésticos, com R$ 803 no 2º trimestre de 2017.

 

 

FÁBIO RODRIGUES MARTINEZ

CORECON-RR 2077

Ler 95 vezes